Barreiros sem Banco do Brasil


Após a onda de investidas criminosas contra bancos e instituições financeiras em Pernambuco, a rotina dos comerciantes de Barreiros, na Mata Sul, não tem sido a mesma. Eles se sentem prejudicados e reclamam da circulação de menos dinheiro na cidade, porque a agência do Banco do Brasil não está funcionando desde 2015, quando bandidos usaram explosivos e incendiaram os caixas eletrônicos do banco no município. Quem precisa ir a outra cidade para tirar dinheiro, acaba fazendo compras por lá mesmo.

A agência ficou destruída e voltou a funcionar parcialmente. Para ir ao banco, os moradores precisam cruzar a divisa do estado e ir à cidade de Maragogi, em Alagoas, que fica a 30 quilômetros de Barreiros.

Para a aposentada Maria José da Silva, ter que viajar para o simples ato de receber dinheiro é um transtorno que atrapalha a rotina. “Estávamos recebendo dinheiro nos Correios, mas a unidade foi assaltada. Passamos a ir para Tamandaré, que também foi assaltada, e agora temos que ir a Maragogi. Estamos sofrendo, tem que reforçar a segurança”, disse.

O que movimenta a economia de Barreiros e gera empregos é o comércio, mas os donos de loja dizem que o movimento teve redução, porque menos dinheiro está circulando na cidade. Em alguns estabelecimentos, o movimento caiu pela metade, porque os moradores tentam evitar os assaltos na estrada fazendo as compras na cidade em que sacaram o dinheiro.

A situação está desse jeito, porque a agência sofreu uma tentativa de arrombamento no dia 29 de setembro de 2015, quando assaltantes colocaram explosivos nos caixas eletrônicos. O roubo não deu certo, mas a agência pegou fogo e ficou completamente destruída. Desde que a agência foi reformada, o atendimento é parcial.

À TV Globo, um funcionário disse que o atendimento a população é apenas para tirar dúvidas, entrega de cartão, resolver alguma pendência. Ele disse, ainda, que não é possível fazer saque ou depósito, porque a agência não está autorizada a movimentar dinheiro e não tem previsão para voltar ao normal.

A assessoria de imprensa do Banco do Brasil afirmou que não há previsão para retorno das atividades na agência e disse ainda que os clientes podem realizar transações bancárias por meio de atendimento em bancos postais e na central telefônica, aplicativo ou site do banco. Os saques e consultas a saldos e extratos podem ser feitos nas casas lotéricas.

Sobre a falta de segurança nas estradas , a Polícia Militar disse que tem trabalhado no sentido de fortalecer o patrulhamento na área abordada pela reportagem, inclusive mantendo contato com a polícia de Alagoas, para identificar possíveis focos de criminalidade.

A PM informou, ainda, que a segurança é reforçada com a presença do Batalhão de Polícia Rodoviária nas estradas estaduais, a partir do posto fixo em Barreiros, e a realização de operações policiais no Litoral Sul, como a madrugada segura, que tenta combater ataques a agências bancárias e caixas eletrônicos.

A Polícia Militar explicou também que a presença policial se tornará ainda mais forte quando for instalada a companhia independente em Tamandaré, mas não informou quando isso vai acontecer.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo